domingo, 17 de outubro de 2010

Dicas para viajar de avião com seu filho.

Olá pessoas, como estão?

A semana passada foi uma doidera por aqui e nem tive tempo de atualizar o blog com as novidades. Viagem, casamento, fotos, trabalho e estudo tudo ao mesmo tempo numa semana curtíssima. Então imaginem a loucura. Por conta disso, o sorteio da Promoção "Dia das Crianças" que eu faria esse fim de semana, vai ficar para quarta-feira, então se você ainda não participou, corre lá e participa. E ajude a divulgar!

Mas o assunto de hoje é pra contar nossa primeira viagem de avião!! Eu e Chico fomos para Floripa para o casamento de uma grande amiga, e foi nossa primeira experiência no ar! (Sim, eu nunca tinha voado antes!)

O post de hoje é para contar um pouco da nossa experiência e para dar algumas dicas valiosas que podem ajudar outras mamães perdidas como eu! hehe

Viajar com criança já é complicado, viajar SOZINHA com uma criança de 2 anos e meio então é uma tarefa mais do que complicada! E eu descobri isso na prática. Francisco estava muito animado para viajar de avião, passei a semana toda falando nisso e contando como seria. Achei que seria interessante ele esperar a viagem e ir se acostumando devagar com o fato. E ele estava tão ansioso quanto eu, como vocês podem imaginar. Organizei uma listinha com dicas para quem for viajar com seu filho de avião pela primeira vez. Coisas que aprendi na hora, no susto. Espero que as dicas possam ajudar outras mamães (e papais) a passar pela experiência de forma mais tranquila. E após as dicas, conto um pouco da nossa experiência - que foi deliciosa, diga-se de passagem!

O post ficou grande, espero que gostem!



Dicas para viajar de Avião com seu filho pequeno:


1º Chegue cedo ao aeroporto:
Chegue no mínimo umas duas horas e meia antes do horário do vôo ao aeroporto. Pode parecer exagero, mas não é. Imprevistos acontecem e você tem que ser previnido e chegar bem antes da hora marcada. Pense que tem o check-in para fazer, etiquetar e despachar malas e outras coisas. Pode ter fila e demorar mais do que o esperado. Então minha primeira dica é: CHEGUE CEDO. Se a viagem for longa mais ainda, calcule chegar umas 4 horas antes se a viagem for internacional por exemplo. Eu tive problemas com minha passagem, por conta do horário. Tive que remarcar o vôo e refazer o check-in. Imagine o transtorno se eu tivesse chegado em cima da hora.

2º Criança cansada x Viagem não combinam:
Parece básico, mas foi o meu primeiro erro. Francisco estava muuuito cansado pois tinha passado a tarde na escola e não tinha nem cochilado. Nossa passagem estava marcada para a 0h, sendo que o horário dele dormir normalmente é 21h. Então, antes de sairmos de casa para o aeroporto ele já estava enjoado e agitado. Chegamos cedo e o nosso vôo atrasou 40 minutos. Imaginem o problema. Pois é, e eu estava sozinha com ele.
Então a primeira dica para viajar com crianças pequenas de avião é: façam seu filho dormir antes de viajar, deixem-nos bem descansados pois nunca sabemos quanto tempo teremos que ficar esperando o vôo.

3º Leve pouca bagagem de mão:
Meu segundo erro foi o mais básico. Esqueci que apesar de ser mãe, não sou polvo. hehe. Vai viajar sozinha com seu filhote? Pense que você precisa ter as mãos livres!

Eu tinha uma bolsa, a minha mochila, a mochila dele, uma caixinha com cupcakes para presentear os noivos e a minha frasqueira. Além do Chico e do Pepeca (o urso que ele carrega pra todo canto). Imaginaram a cena? Pois é, claro que eu passei trabalho pra carregar tudo isso e ainda o filhote cansado. Na volta já fiz diferente. Concentrei todos os nossos pertences em uma única mochila e a minha bolsa. Problema resolvido pela péssima experiência da ida.
Então a dica é: leve no máximo uma mochila (que te possibilita ficar com as mãos livres) e sua bolsa.

4º O que levar na bagagem de mão:
Com criança você nunca sabe que imprevisto pode acontecer, então pense em algumas coisas básicas e necessárias e leve com você no vôo:
Uma roupa extra completa para a criança (ele pode vomitar, fazer xixi ou cocô), fralda para umas três trocas e lenço umedecido, bolacha e água. Pense em algum brinquedo que distraia a criança, pois depois de um tempo a novidade da viagem vira tédio e daí você tem que se virar para entreter o pequeno e não ter uma criança chorando em pleno vôo, ou no embarque com o vôo atrasado.
Também pense num kit básico de remédios (vai que ele enjoe ou tenha febre, não custa ser previnida). Isso vale para viagens curtas mas principalmente para viagens muito longas. A nossa viagem foi curtíssima, quando o Chico começou a se entediar estávamos pousando. Mas já pensei que numa viagem um pouco mais longa eu teria que levar algumas coisas para ele brincar e se distrair.

5º Quais são os documentos necessários para viajar com crianças pequenas:
Minha primeira dúvida era quanto a que documentos levar para viajar com criança pequena, pesquisei na internet e não encontrei dicas que falassem realmente o que se precisa para viajar com criança. Liguei para a companhia aérea e eles me informaram o seguinte:

Crianças - com até 12 anos incompletos: A viagem com crianças obedece a algumas formalidades. Crianças viajando acompanhadas de:
- pessoa com a qual mantenham algum vínculo de parentesco tais como, pai, mãe, irmãos maiores de 18 anos, tios ou avós, deverão portar documento formal que comprove a vinculação, e
- pessoa com a qual não mantenham vínculo de parentesco, além de documento pessoal de identificação, deverão portar documento firmado em cartório pelo pai, mãe ou responsável legal que confira autorização para viajar com a criança.
- Para viagem de criança desacompanhada, em condições acordadas com a empresa aérea, desde que devidamente autorizada pelo Juízo da Vara da Infância e da Juventude.

Importante:
- São aceitos todos os documentos com fé pública, ainda que com prazo de validade vencido, desde que permitam a identificação do passageiro.
- Cópias dos documentos somente serão aceitas se forem autenticadas e estiverem em bom estado de conservação. É importante lembrar que os documentos devem possuir fotografia.
- No caso de crianças menores de 12 anos pode-se viajar sem a carteira de identidade, desde que portando a Certidão de Nascimento da criança (ou a cópia autenticada da mesma).


6º Identifique a criança:
Coloque no bolso da criança um cartão identificando-a. Isso é muito importante para todas as viagens, mas principalmente se você está sozinha com seu filho. Você não sabe o que pode acontecer, vai que você desmaia ou sei lá o que, melhor previnir. É importante colocar o nome da criança, nome e telefone dos pais, nome e telefone de tios e amigos, e o nome e telefone da pessoa que vai esperá-lo no destino ou algum conhecido. Crianças somem com muita facilidade. Fique atento ao seu filho e não confie em estranhos, por mais atenciosos que possam ser.

E agora como foi a nossa viagem!!!

O Chico curtiu tudo e todos os momentos desde que pisamos no aeroporto até a chegada em Floripa. Estava ligado no 220, apesar do horário. Achei que ele ficaria cansado ou estressado, mas que nada. Curtiu tudo e estava mais agitado do que de costume. Chegamos cedo ao aeroporto o que foi ótimo devido ao problema com a passagem. Fomos para o embarque com uma hora de antecedência do horário marcado para o vôo, mas descobrimos que o mesmo estava atrasado e previsto para 40 minutos depois do horário marcado. Foi difícil convencê-lo a deixar o Pepeca passar pelo detector de metais, ele não queria de jeito nenhum. Achei que teria um problema aí, mas no fim ele concordou e fomos esperar o Pepeca do outro lado da esteira. A espera foi no mínimo cansativa, tive que me virar em 30 para distraí-lo. A sala de embarque estava lotada, muuuitos vôos atrasados e muita gente estressada esperando há horas pra embarcar. No meio disso tudo, diversas crianças enjoadas e choronas. Francisco estava cansado, mas não relaxava.
Quando o avião chegou e fomos embarcar ele estava feliz e agitado. No portão começou a cantar e falar: "Vamos andar de avião, eba! Eba! Eba!!!" - o que arrancou risadas de todos da fila! hehe

Dentro do avião o pequeno curtiu muuuuito. Colocou o cinto sozinho e ficou contando tudo o que estava vendo. Leu a revista de bordo, cantou, riu, mostrou o outro avião da janela. Quando levantamos vôo mostrei pra ele a cidade lá do alto, ele ficou maravilhado. E quando estávamos chegando e perto de pousar, falei que estava acabando e ele prontamente falou: "Ahhhh, que merda!" (expressão ensinada pelo tio Basso hehehe)

Achei que ele se assustaria com o pouso, mas ele riu e adorou!

Em terra firme, coloquei ele no bebê conforto do carrinho e fui esperar as malas que demoraram uma eternidade para aparecer na esteira. Quando olhei novamente ele tinha empacotado de tanto sono e cansaço. E nem viu a tia Fabi e o tio Xande que estavam lá nos esperando.


Foi uma experiência incrível que vou lembrar por toda a vida.
Veja algumas fotos da nossa viagem:
Clara e Francisco matando a saudade!
Olha o visual do apartamento da minha amiga!
Meu Dom Juan arrebatando corações! hehe
A noiva lindíssima!
José Alexandre e Fabiana
A nossa volta!
Ah, Floripa!!!
 
de tirar o fôlego, não é mesmo?
Chegando em Curitiba, claro que as nuvens deram o ar da graça!

Então é isso, espero que tenham gostado.
bjinhos
Ale
;o)

12 comentários:

Urias disse...

Muito boa suas dicas compartilhamos em nosso blog parabéns!
Uriart-Baby

Mamma Mini disse...

que máximo Alessandra, eu vou viajar com meu filho, da mesma idade do Francisco, para a europa o mês que vem e já estou angustiada com 14 horas de avião....rs imagina entreter a pecinha? rs rs rs nem me fale, estou fazendo a lista de dicas, e as suas foram preciosas! um beijo!

Lia disse...

AMEI. Se tivesse lido este post antes, não teria esquecido a certidão da Emília na nossa última viagem...

Nine disse...

NOssa, não é fácil mesmo, né? Dicas são sempre bem vindas! Obrigada! Nine

Helena disse...

Talvez tenha q viajar com minha filha no proximo mes. E ela tem 2 meses!!!!

E devo ir sozinha também.

Muié é tudo guerreira!

Bjs
Helena

Tatiane verissimo disse...

oi amiga....que máximo suas dicas...A única coisa triste foi não termos nos encontrado...beijos..Muitas saudades....

Roberta Lippi disse...

Excelentes suas dicas. Essa de chegar cedo ao aeroporto é básica. Às vezes a gente se esquece que tudo é muito mais lento e imprevisível quando estamos viajando com crianças, né?
E as fotos estão lindas!!
beijos,
Roberta

Mamma Mini disse...

Alê, claaaaaaaaaaaro que eu estou participando da promoção tá doida? rs rs rs rs rs dedinhos cruzados...bjs!

Mãe Mochileira,filho malinha.. disse...

Oieee..neeem me fale..viajar de avião com crianças é uma aventura e tanto..e aja criatividade e paciencia!rsrs..
obrigada pela particpação lá no blog,ta??beijos,boa sorte!!
;-)

Anônimo disse...

Olá! Adorei seu Blog!!!!!!! Parabéns pelo filhote. Estou indo viajar semana q vem com meus filhos, uma mocinha de 12 anos e uma garotão de 2 anos e 10 meses, nossa primeira viagem de avião, estamos indo p/ Navegantes SC, estou um pouco insegura, não sei se vou conseguir dar conta de tudo... obrigada pelas dicas.

Alessandra Pilar disse...

Urias, que bom que gostou das dicas e obrigada por compartilhar!

Oi Fê, espero que tenha dado tudo certo com sua viagem e que as dicas tenham ajudado. bjos

Oi Lia, que bom que gostou!! E da próxima viagem dá uma olhada nas dicas novamente... hahaha... bjoo

Oi Nine, que bom que gostou. bjo querida.

Oi Helena, e aí deu tudo certo com sua viagem? Tomara que sim. bjos

Taty, da próxima vez que viajar com o Pedro dá uma lida aqui... hahaha. bjo amada

Oi, Roberta. Que bom que gostou das dicas. bjos querida.

Oi Mãe mochileira, que bom que gostou das dicas e é sempre uma aventura com as crianças né? bjos

Olá querida, que bom que gostou. E com certeza vc vai dar conta sim!!! Como disse uma das amigas ali em cima... mulher é tudo guerreira. hehe. E vc ainda terá a tua mocinha pra ajudar!!! Depois venha nos contar como foi a viagem! bjos querida.

Vanessa Ribeiro disse...

Nossa Ale, tuas dicas vieram a calhar viu? Estou preparando a mala para nossa viagem na quinta e adorei as dicas.

Beijos
Van
ps. que lindas tuas fotos!

Related Posts with Thumbnails